Olá, bem-vind@!

Quer participar e contribuir? Clique no botão "Registrar-se" se é sua primeira vez aqui. Se você já é um dos nossos, clique em "Entrar".

95% dos católicos vão para o inferno

Fernando_SilvaFernando_Silva Administrator, Moderator
De cada 100 católicos que morrem mais de 95 estão em pecado mortal

Se você está lendo isso é porque você ainda está vivo. Pense! Pense novamente! Você realmente acredita em Deus? O que você espera para mudar? Como diz o Senhor no Evangelho: Arrependei-vos e crede no Evangelho!

Pe. Lucas Prados — Adelante la Fe | Tradução Sensus fidei:

Começamos a Quaresma com a celebração da quarta feira de cinzas. Uma celebração frugalidade que nos recorda a frugalidade desta vida, a necessidade de estar em um permanente estado de conversão e a obrigação de estar sempre preparado para prestar contas a Deus: “Lembra-te que és pó e em pó te converterás”.

O Evangelho anuncia as tentações que Jesus sofreu no deserto, quando, levado pelo Espírito, esteve durante quarenta dias em jejum e oração. Quarenta dias de preparação — como a nossa Quaresma — para a sua missão pública, paixão e morte na cruz.

E terminado este curto relato das tentações de Jesus, o Evangelho nos lembra da necessidade que todos nós temos de arrepender-nos, converter-nos e acreditarmos na Boa Nova.

Esta mensagem parece cair em ouvidos surdos entre os católicos de hoje. A maioria dos católicos está pensando mais sobre os carnavais do que em sua própria conversão e arrependimento. E neste mundo em que vivemos, que é controlado e dirigido por forças diabólicas, colocou-nos uma venda sobre nossos olhos, para que não percebemos o estado de nossa alma e nos arrependamos e sigamos a Cristo.

Se víssemos as estatísticas anuais publicadas pelos bispados sobre a frequência à Missa dominical e a recepção dos sacramentos, ficaríamos completamente pasmos. De todos os católicos, menos de 8% vão à Missa aos domingos. Mas a coisa não termina aqui, porque desses 8% que assistem à Missa confessam-se regularmente apenas entre 15 e 20%. O número de casamentos que se celebram a cada ano foi reduzido em mais de 70%, o que significa que mais de 80% de católicos entre 25 e 40 anos vivem “unidos” sem se casarem na Igreja.

Concluindo, isso significa o seguinte: para cada 100 católicos que morrem mais de 95 estão em pecado mortal e, consequentemente, vão diretamente para o inferno. Somos capazes de refletir sobre esses números? Acaso somos nós aqueles a quem San Pedro não permitirá entrar no céu? Se você está lendo isso é porque você ainda está vivo. Pense! Pense novamente! Você realmente acredita em Deus? O que você espera para mudar? Como diz o Senhor no Evangelho: Arrependei-vos e crede no Evangelho!

Artigo original: Adelante la Fe – De cada 100 católicos que mueren más de 95 están en pecado mortal.
http://adelantelafe.com/de-cada-100-catolicos-que-mueren-mas-de-95-estan-en-pecado-mortal/#at_pco=smlwn-1.0&at_si=56d1a62cd92e01eb&at_ab=per-2&at_pos=0&at_tot=1
http://www.sensusfidei.com.br/2016/02/27/de-cada-100-catolicos-que-morrem-mais-de-95-estao-em-pecado-mortal/#.WSyl_Rlv_qA

Comentários

  • AcauanAcauan Administrator, Moderator
    Mais uma explicação sobre o porquê de as igrejas neopentecostais estarem lotadas.
  • AcauanAcauan Administrator, Moderator
    The_Doctor disse: freddie_mercury_oh_eu_nao_fui_feito_para_ir_para_o_para_l6g8v1z.jpg

    Na Divina Comédia, todos os personagens interessantes estão no inferno (incluindo Platão e Aristóteles), no purgatório ainda tem alguém que escapa e o Céu é uma pasmaceira só...
  • Oi eu sou católica e acredito que pessoas católicas que preferem o carnaval do que a Deus não sejam realmente católicas, nossa religião não nos obriga a nada se queremos ir para a igreja é por pura vontade e não por obrigação e também quem decidi se vamos para o inferno será Deus e o Senhor Pai irá nos julgar pelos nossos atos e não religião.
     
  • @Kellugamers disse: ...nossa religião não nos obriga a nada se queremos ir para a igreja é por pura vontade e não por obrigação...
    Nenhuma religião obriga seus fiéis a nada de fato.
    Mas está pra nascer o religioso que não se sinta obrigado a algo em sua religião. Principalmente por estar sob a constante ameaça de ir parar nos quintos dos infernos.
     
  • Fernando_SilvaFernando_Silva Administrator, Moderator
    "O cristianismo nos afirma que há um homem invisível que vive no céu e vigia tudo o que fazemos, o
    tempo todo. O homem invisível tem uma lista de 10 coisas que ele não quer que a gente faça. Se você
    fizer alguma dessas coisas, o homem invisível tem um lugar especial, cheio de fogo, fumaça, sofrimento,
    tortura e angústia onde ele vai lhe mandar viver, queimando, sofrendo, sufocando, gritando e chorando
    para todo o sempre. Mas ele ama você! (George Carlin, "Brain Droppings")
  • Fernando_SilvaFernando_Silva Administrator, Moderator
    editado October 27
    "Como uma pessoa escolhe entre vender a alma ao diabo e entregá-la a Jesus? 
    Provavelmente ela escolherá a opção que resultar no maior benefício.

    Para a maioria das pessoas, uma eternidade no céu mais que compensa uma
    vida sofrida e sem graça, enquanto que os prazeres de uma curta vida não
    compensam a eternidade no inferno.
    Tudo se resume à escolha da opção mais vantajosa, não a de moral mais elevada.

    Será que nos decidiríamos pelo caminho da ética se isto resultasse apenas na
    satisfação do dever cumprido, enquanto que vender a alma ao diabo nos desse
    uma eternidade de prazer?

    A verdade é que assumimos que Deus é o padrão de moralidade absoluta, sem
    termos nenhuma evidência disto. Se o que ele faz nos agrada, dizemos que ele
    é bom. Se não nos agrada, assumimos que ele está certo, de um modo que não
    podemos entender. Se um ônibus desgovernado se desvia no último instante,
    poupa nossa família e mata outra, nós agradecemos a Deus enquanto os
    sobreviventes da outra abaixam a cabeça em submissão a seus obscuros
    desígnios.

    Entretanto, se não sabemos porque Deus matou a outra família, também
    não podemos ter a pretensão de saber por que ele poupou a nossa.
    Não sabemos se ele é bom e justo, apenas queremos desesperadamente
    acreditar nisto para que nosso sofrimento faça sentido.

    Da mesma forma, se as formigas pudessem pensar, nos louvariam quando
    deixássemos cair  açúcar e aceitariam resignadas quando as exterminássemos
    logo a seguir, talvez vendo no fato a justa punição por supostos pecados.
    E elas saberiam tanto sobre nossos motivos quanto sabemos sobre os de
    Deus. O Deus que nós mesmos criamos para tentar explicar um mundo que
    não faz sentido"
  • Fernando_SilvaFernando_Silva Administrator, Moderator
    Como sabemos que Deus é bom e justo?
    “Usando a lógica”.
    Como explicar os atos de Deus que nos parecem maus e injustos?
    “A lógica humana é limitada demais para entender os atos de Deus, portanto
    devemos aceitá-los sem questionar”.
  • - De todas as descrições do paraíso que vi, a única que me atraiu foi a mórmom, a mais herege de todas, hahahahaha.

    Abraços,
  • JudasJudas Moderator
    Well, a definição de inferno do @acauan ainda está para se superada.

    "... um lugar cheio de crentes tocando violão..."
  • Mais uma explicação sobre o porquê de as igrejas neopentecostais estarem lotadas.

    Lógico que têm de estar lotadas: o crentelho protestante é salvo PELA FÉ apenas. Os crimes que cometa não serão computados desde que tenha fé. Um traficante cruel, mas que creia em Cristo Salvador irá para o Céu. Já um macumbeiro bonzinho vai pro Inferno.

    Lá no Céu você passa a eternidade tocando harpa dourada e cantando louvores a Deus. No Inferno... Bem tem várias piadas sobre ele. Fique com a que mais lhe agradar.
  • Fernando_SilvaFernando_Silva Administrator, Moderator
    Botânico disse:
    Lá no Céu você passa a eternidade tocando harpa dourada e cantando louvores a Deus.
    Lembrei daquela charge: um bando de gente no céu diante de Deus sentado num trono com Jesus de um lado e o Espírito Santo de outro, com a legenda:
    "486655596368892 dias louvando a Deus"
    E alguém na multidão resmunga: "Que merda ...."
     
  • LeandroLeandro Member
    editado October 30
     
    o crentelho protestante é salvo PELA FÉ apenas.

    O católico também, desde que se arrependa de todos os seus pecados antes de morrer.
     
  • Agora entendi a deserção de catolicos
  • AcauanAcauan Administrator, Moderator
    editado October 30
    Kellygamers disse: Oi eu sou católica e acredito que pessoas católicas que preferem o carnaval do que a Deus não sejam realmente católicas, nossa religião não nos obriga a nada se queremos ir para a igreja é por pura vontade e não por obrigação e também quem decidi se vamos para o inferno será Deus e o Senhor Pai irá nos julgar pelos nossos atos e não religião.
     

    Na verdade, o Catecismo Católico é explícito ao decretar que o fiel romano é sim obrigado a ir à missa:

    A OBRIGAÇÃO DO DOMINGO
    2180. O mandamento da Igreja determina e precisa a lei do Senhor: «No domingo e nos outros dias festivos de preceito, os fiéis têm obrigação de participar na missa» (102). «Cumpre o preceito de participar na missa quem a ela assiste onde quer que se celebre em rito católico, quer no próprio dia festivo quer na tarde do antecedente» (103).
  • AcauanAcauan Administrator, Moderator
    Judas disse: Well, a definição de inferno do @acauan ainda está para se superada.

    "... um lugar cheio de crentes tocando violão..."

    Uma imagem verdadeiramente aterradora...
Entre ou Registre-se para fazer um comentário.