Olá, bem-vind@!

Quer participar e contribuir? Clique no botão "Registrar-se" se é sua primeira vez aqui. Se você já é um dos nossos, clique em "Entrar".

3 categorias de gravidade de crimes/Episodio no Pinga Fogo doChico Xavier e a hipocrisia da esquerda

LaraASLaraAS Member
editado August 31 em Religião é veneno
Para mim, deveria haver 3 categorias de gravidades de crimes, o crime não-hediondo, o crime-hediondo, e o crime hediondo super-organizado (e o crime de Estado deveria estar catalogado APENAS na categoria do crime super-organizado e nada mais) o crime super-organizado é o caso de crimes feitos organizadamente por mais de 1000 pessoas de um grupo só agindo unidas, para o qual, naturalmente é necessário uma enorme organização e disciplina, deveria incluir crimes de Estado, crimes terroristas, incluindo guerrilheiros-terroristas, crimes paramilitares (normalmente não passa de um modo pejorativo de chamar a guerrilhas de direita, mesmo que sejam tão populares e vindas no começo de baixo como os grupos guerrilheiros-terroristas de esquerdas....) e crimes de grupos como o Comando Vermelho e PCC. E deveria haver aumentos de penas por essas 3 categorias, SEM NENHUMAS ESPECIFICIDADES A MAIS, deveriam ser abolidas penalmente as noções de "feminicídio", "crime racista", "crime homofóbico" (esta última que na verdade felizmente ainda existe oficialmente no Brasil) "genocídio", e "crime contra a humanidade", os 2 primeiros tipos quanto são crimes estilo assassinato a frio por motivo torpe, ou maltrato a frio por motivo torpe, geralmente são feitos ou por 1, 2 pessoas ou por de 4 a 5 ou 10, então estão simplesmente na categoria de crimes-hediondos comuns, e os dois outros casos deveriam ser considerados crimes-hediondos super-organizados, mas não mais do que os crimes do Comando Vermelho e do PPC por exemplo (e não mais do que os crimes feitos pelos terroristas-guerrilheiros de esquerda na época do regime de 1964-1984 no Brasil), inclusive porque ,quando se considera que um Estado é criminoso de um modo tão generalizado é por que se considera que ele é ilegitimo, então na prática não há porque considerá-lo mais Estado do que um grupo super-organizado como o Comando Vermelho.
Segundo Assunto: Há uns grupos esquerdoides se dizendo espíritas não-chiquistas, que ficam (ou fingem ficar) super escandalizados (e querem que tirem ruas com o nome do Chico Xavier por isso!) com uma parte da entrevista do Chico Xavier no programa pinga-fogo da rede Tupi, em que ele justificou o golpe de estado de 1964 e falou bem dos militares, mas há uma coisa aí, (mesmo deixando meio de lado o fato de que pelo menos 1/3 da população brasileira até hoje pensa assim, e que naquela época deveriam ser uns 45% pelo menos então não é uma questão de ser extraterreste pensar e falar isso), há outra questão aí: Não falam tanto que aquela época havia uma super, hiper, repressão? Então poderia haver uma explicação do Chico falar isso por medo, se não por si mesmo, pelo menos pelas suas obres de caridade, que poderiam ter problemas com uma perseguição a ele...,(se bem que eu acho que não foi isso, não, é que as fontes de informações do Chico na Terra, deixemos a questão da mediunidade de lado por ora, diziam isso, mas também não foi má-fé ou algo parecido) mas no caso do pessoal de esquerdona, eles deveriam pensar nessa possibilidade, já que eles dizem que havia uma ditadura TÃÃÃOOO repreeeeesoooooooooora....Agora o mais irônico é que o pessoal de esquerdona de origem católica, muitas vezes puxam o saco do espiritismo brasileiro (e na versão maioritária brasileira) certamente só para provocar os católicos mais tradicionais que abominam o espiritismo...O Leonardo Boff mesmo já fez várias declarações super puxa-saco sobre o Chico....

Comentários

  • com uma parte da entrevista do Chico Xavier no programa pinga-fogo da rede Tupi, em que ele justificou o golpe de estado de 1964 e falou bem dos militares,

    Chico Xavier pecou kkkkk, pensei que ele era santo rsrsrsrsrsrs
    Ironia
    Eu creio que tudo que existe é a matéria
    só a matéria , nada mais que a matéria !
  • LaraASLaraAS Member
    editado September 1
    Emmedrado disse:
    com uma parte da entrevista do Chico Xavier no programa pinga-fogo da rede Tupi, em que ele justificou o golpe de estado de 1964 e falou bem dos militares,

    Chico Xavier pecou kkkkk, pensei que ele era santo rsrsrsrsrsrs
    Ironia


    A principal questão aqui não é o Chico Xavier e nem sequer a questão de se na ausência de coação essas falas seriam "pecado" ou equivalente (30% hoje ou naquela época pelo menos 45% da população seriam "criminosos"? isso me parece bem discutível). A questão é que parece que nem sequer a própria esquerdona acredita nos seus papos e propagandas sobre uma reepreeessão mostruoooosa (essa entrevista foi em 1972), já que aparentemente nem pensaram nessa hipótese que eu citei acima ou sequer que os outros poderiam pensar nessa hipótese, tampouco pensaram que em algumas pessoas em dúvida sobre o assunto, e dado os 30% da população hoje que julga que o regime militar foi necessário para aquela época, os em dúvida devem ser uns 15%) que nesse caso, o fato desses de esquerdona falarem que o Chico falou isso pode tirar a dúvida de muitos PARA O LADO DE ACHAR QUE O REGIME MILITAR ESTAVA CERTO, ainda mais com a outra incongruência de falarem tanto que havia uma repreeesão monstruooosa e nem sequer pensarem na hipótese que eu falei acima, o que mostra duplipensar e esquizofrenia política da parte deles, tipos de esquerdona que aparentemente no fundo nem eles mesmo acreditam nos seus papos sobre a "enorme repressão da ditadura" além de viverem numa bolha, como se só um 1% ou menos da população concordasse com essas declarações do Chico e como se não houvesse ninguém em dúvida.
  • EmmedradoEmmedrado Member
    editado September 1
    LaraAS disse:
    Emmedrado disse:
    com uma parte da entrevista do Chico Xavier no programa pinga-fogo da rede Tupi, em que ele justificou o golpe de estado de 1964 e falou bem dos militares,

    Chico Xavier pecou kkkkk, pensei que ele era santo rsrsrsrsrsrs
    Ironia


    A principal questão aqui não é o Chico Xavier e nem sequer a questão de se na ausência de coação essas falas seriam "pecado" ou equivalente (30% hoje ou naquela época pelo menos 45% da população seriam "criminosos"? isso me parece bem discutível). A questão é que parece que nem sequer a própria esquerdona acredita nos seus papos e propagandas sobre uma reepreeessão mostruoooosa (essa entrevista foi em 1972), já que aparentemente nem pensaram nessa hipótese que eu citei acima ou sequer que os outros poderiam pensar nessa hipótese, tampouco pensaram que em algumas pessoas em dúvida sobre o assunto, e dado os 30% da população hoje que julga que o regime militar foi necessário para aquela época, os em dúvida devem ser uns 15%) que nesse caso, o fato desses de esquerdona falarem que o Chico falou isso pode tirar a dúvida de muitos PARA O LADO DE ACHAR QUE O REGIME MILITAR ESTAVA CERTO, ainda mais com a outra incongruência de falarem tanto que havia uma repreeesão monstruooosa e nem sequer pensarem na hipótese que eu falei acima, o que mostra duplipensar e esquizofrenia política da parte deles, tipos de esquerdona que aparentemente no fundo nem eles mesmo acreditam nos seus papos sobre a "enorme repressão da ditadura" além de viverem numa bolha, como se só um 1% ou menos da população concordasse com essas declarações do Chico e como se não houvesse ninguém em dúvida.

    O QUE VC ESPERA DE ESQUERDOPATAS ?
    POR ISSO QUE EU ZOEI ....
    Eu creio que tudo que existe é a matéria
    só a matéria , nada mais que a matéria !
Entre ou Registre-se para fazer um comentário.