A macroevolução é real?

editado December 2016 em Religião é veneno
Faz muito tempo, dez anos aproximadamente, que não visitava o RV.  
Quando entro na página, que surpresa(nem tanto)! O fórum vai acabar por desição do Claudio Loredo, fundador desse espaço para livres pensadores.
Motivo: Intolerância com opiniões contrarias e ofensas a quem tem a opinião diferentre dos demais(ofensas e zombarias). Típico!
Afinal, sempre foi assim, fui muito ofendido, moralmente falando, por simplesmente espor minha opiniao sobre determinado assumto.
E depois, vejo o Acauan postando no face, que um dos legados do RV era saber conviver com opiniões contrárias...francamente!
Mas o evolucionismo e o darwinismo não explicam de forma satisfatória a complexidade dos seres vivos. A biologia molecular e a biologia celular revelam mecanismos cujas origens os darwinistas nem se atrevem a tentar explicar.
«13456748

Comentários

  • AcauanAcauan Administrator, Moderator
    editado October 2016
    Tanto é verdade que o RéV convive com opiniões contrários que taí você há dez anos metendo o pau na gente e continua sendo recebido aqui, sem maiores delongas.
  • Acauan disse: Tanto é verdade que o RéV convive com opiniões contrários que taí você há dez anos metendo o pau na gente e continua sendo recebido aqui, sem maiores delongas.


    Não é bem assim. Ser recebido no fórum é uma coisa, ser respeitado por suas opiniões é outra bem diferente.
    Explique-me, então, o caso Cláudio Loredo...
    A propósito: Quem te disse que eu "meto o pau" em vcs?
    Mas o evolucionismo e o darwinismo não explicam de forma satisfatória a complexidade dos seres vivos. A biologia molecular e a biologia celular revelam mecanismos cujas origens os darwinistas nem se atrevem a tentar explicar.
  • NadaSeiNadaSei Administrator, Moderator
    editado October 2016
    PauloRoberto10anos disse:
    Acauan disse: Tanto é verdade que o RéV convive com opiniões contrários que taí você há dez anos metendo o pau na gente e continua sendo recebido aqui, sem maiores delongas.


    Não é bem assim. Ser recebido no fórum é uma coisa, ser respeitado por suas opiniões é outra bem diferente.
    Explique-me, então, o caso Cláudio Loredo...
    A propósito: Quem te disse que eu "meto o pau" em vcs?

    O caso do Cláudio Loredo é o de um fanático que afirma que Cuba nunca desrespeitou os direitos humanos e que todos os que foram fuzilados mereceram e que disse que iria até a Brasília matar gente a pauladas se o PT fosse deposto.
    Não satisfeito ele decidiu censurar a todos alegando discurso de ódio. Sim, o cara que disse que iria matar gente a pauladas alegou que os outros praticavam discurso de ódio.

    Só por ai já vamos como tais alegações são "criveis".

    O RV não permite excessos de injurias... Exageros são moderados. Sempre foram.
    Sim sempre fomos o fórum mais LIVRE da internet a ponto de permitir vez ou outra uma injuria sair impune.
    É exatamente a liberdade que se espera aqui, o oposto daquilo que o comunista fanático gosta.

    Só não espere respeito por ideias toscas com prazo de validade vencido. Essas ideias sempre serão tratadas com desdem, mas sem ofensas pessoais.
    “A violência comunista não foi mera aberração da psique eslava, mas sim algo diabolicamente inerente à engenharia social marxista, que, querendo reformar o homem pela força, transforma os dissidentes primeiro em inimigos, e depois em vítimas.” - Roberto Campos
  • AcauanAcauan Administrator, Moderator
    editado October 2016
    PauloRoberto10anos disse:


    Não é bem assim. Ser recebido no fórum é uma coisa, ser respeitado por suas opiniões é outra bem diferente.
    Explique-me, então, o caso Cláudio Loredo...
    A propósito: Quem te disse que eu "meto o pau" em vcs?

     A questão é nossa tolerância com ideias divergentes.  Quem quiser colocá-las aqui é livre para isto e receberá as respostas que outros são livres para dar.  Se gosta ou não das respostas é outro problema.
    Quanto ao Claudio Loredo, ele já se explicou o suficiente e se quiser mais explicações o consulte no antigo RV.
    E como tantos, você chegou aqui chutando o balde, um comportamento padrão nosso velho conhecido.
  • editado October 2016
    NadaSei disse:
    O caso do Cláudio Loredo é o de um fanático que afirma que Cuba nunca desrespeitou os direitos humanos e que todos os que foram fuzilados mereceram e que disse que iria até a Brasília matar gente a pauladas se o PT fosse deposto.
    Não satisfeito ele decidiu censurar a todos alegando discurso de ódio. Sim, o cara que disse que iria matar gente a pauladas alegou que os outros praticavam discurso de ódio.

    Só por ai já vamos como tais alegações são "criveis".

    O RV não permite excessos de injurias... Exageros são moderados. Sempre foram.
    Sim sempre fomos o fórum mais LIVRE da internet a ponto de permitir vez ou outra uma injuria sair impune.
    É exatamente a liberdade que se espera aqui, o oposto daquilo que o comunista fanático gosta.

    Só não espere respeito por ideias toscas com prazo de validade vencido. Essas ideias sempre serão tratadas com desdem, mas sem ofensas pessoais.

     
    Quanto a tudo o que vc me disse sobre as opiniões do Cláudio, para mim, não muda nada o direito dele de se expressar livremente, pois creio que vc não leu direito o que eu digitei: não são as opiniões(corretas ou não, inteligentes ou tolas, esquerdistas ou de direita), o cerne do meu tópico é: Temos realmente a liberdade de se expressar livremente? No caso vc diz que eu não gosto das respostas, mas não foi isso que eu mencionei: falo de ofensas ao debatedor e não o contraditório às suas idéias. Veja a incoerência nas suas palavras: "Excesso de Injurias" Vc pode me definir o que é isso? As injurias que saíram impunes não era aquelas proferidas pelos amigos dos moderadores? Eu cheguei "chutando o balde" porque expresso a ideia de que um fórum, fechado pelo próprio criador, indica algo errado com a premissa de "espaço para livres pensadores" rsrsrs...As idéias "toscas" são aquelas que diferem das suas?
    Mas o evolucionismo e o darwinismo não explicam de forma satisfatória a complexidade dos seres vivos. A biologia molecular e a biologia celular revelam mecanismos cujas origens os darwinistas nem se atrevem a tentar explicar.
  • NadaSeiNadaSei Administrator, Moderator
    editado October 2016
    PauloRoberto10anos disse:

    Quanto a tudo o que vc me disse sobre as opiniões do Cláudio, para mim, não muda nada o direito dele de se expressar livremente, pois creio que vc não leu direito o que eu digitei: não são as opiniões(corretas ou não, inteligentes ou tolas, esquerdistas ou de direita), o cerne do meu tópico é: Temos realmente a liberdade de se expressar livremente? No caso vc diz que eu não gosto das respostas, mas não foi isso que eu mencionei: falo de ofensas ao debatedor e não o contraditório às suas idéias. Veja a incoerência nas suas palavras: "Excesso de Injurias" Vc pode me definir o que é isso? As injurias que saíram impunes não era aquelas proferidas pelos amigos dos moderadores? Eu cheguei "chutando o balde" porque expresso a ideia de que um fórum, fechado pelo próprio criador, indica algo errado com a premissa de "espaço para livres pensadores" rsrsrs...As idéias "toscas" são aquelas que diferem das suas?
    E ninguém nunca negou a ele o direito dele se expressar.
    A única coisa que eu evidenciei foi o fato de que a acusação de que aqui não se respeita o contraditório e se pratica discurso de ódio, veio justamente da pessoa que sai banindo quem pensa diferente e disse que mataria gente a pauladas se tirassem seu partido do poder.

    Quem baniu os que pensam diferente alegou que não aceitamos a diferença.
    Quem disse que iria matar pessoas a pauladas disse que praticamos discurso de ódio.

    As acusações são claramente auto refutadas pelo comportamento de quem as fez.

    Quanto a noção de que excesso de injurias não são aceitas significa que vez ou outra um participante chama impunemente o outro de imbecil ou coisa parecida. Mas se insiste em ficar ofendendo os outros é moderado.

    E não, isso não se limita aos "amigos" dos moderadores. Isso ocorre em geral pela dificuldade em monitorar 100% das postagens e moderar tudo.

    Quanto as ideias toscas, são aquelas que não tomam por base logica e fatos. Nada mais tosco do que religiões humanistas contrarias ao conhecimento cientifico moderno, como é o caso do comunismo.
    “A violência comunista não foi mera aberração da psique eslava, mas sim algo diabolicamente inerente à engenharia social marxista, que, querendo reformar o homem pela força, transforma os dissidentes primeiro em inimigos, e depois em vítimas.” - Roberto Campos
  • GorduchoGorducho Member
    editado October 2016
    Quanto a tudo o que vc me disse sobre as opiniões do Cláudio, para mim, não muda nada o direito dele de se expressar livremente, pois creio que vc não leu direito o que eu digitei: não são as opiniões(corretas ou não, inteligentes ou tolas, esquerdistas ou de direita), o cerne do meu tópico é: Temos realmente a liberdade de se expressar livremente?

    Claro que ele tinha e tem, até por definição, já que ele é o dono do fórum :mrgreen:
    E claro que o Sr. tem.
    Faça o seguinte: proponha algum tema e se lhe tentarem castrar a liberdade de se expressar livremente, cobre.

    No caso dele aliás ele admitiu que vai se manifestar em redes sociais onde os participantes são filtrados por afinidades e portanto não há contraditório.
    Direito dele, claro! 
  • Gorducho disse:
    Quanto a tudo o que vc me disse sobre as opiniões do Cláudio, para mim, não muda nada o direito dele de se expressar livremente, pois creio que vc não leu direito o que eu digitei: não são as opiniões(corretas ou não, inteligentes ou tolas, esquerdistas ou de direita), o cerne do meu tópico é: Temos realmente a liberdade de se expressar livremente?

    Claro que ele tinha e tem, até por definição, já que ele é o dono do fórum :mrgreen:
    E claro que o Sr. tem.
    Faça o seguinte: proponha algum tema e se lhe tentarem castrar a liberdade de se expressar livremente, cobre.

    No caso dele aliás ele admitiu que vai se manifestar em redes sociais onde os participantes são filtrados por afinidades e portanto não há contraditório.
    Direito dele, claro! 

    Dou-me por satisfeito com as respostas...Presumo que vcs mudaram, afinal já faz dez anos. Nós evoluímos como pessoas. "Nada", porque vc acha que a religião é algo tosco? Pronto, esse é meu tópico. Não quero poluir o fórum com vários tópicos, então vai aqui mesmo! Quero ver minha idéias serem combatidas, não eu...Parto da premissa que a Religião, além de não ser tosca, é necessária ao ser humano, e que o que vc disse, Nada, é preconceituoso.
     
    Mas o evolucionismo e o darwinismo não explicam de forma satisfatória a complexidade dos seres vivos. A biologia molecular e a biologia celular revelam mecanismos cujas origens os darwinistas nem se atrevem a tentar explicar.
  • NadaSeiNadaSei Administrator, Moderator
    Dou-me por satisfeito com as respostas...Presumo que vcs mudaram, afinal já faz dez anos. Nós evoluímos como pessoas. "Nada", porque vc acha que a religião é algo tosco? Pronto, esse é meu tópico. Não quero poluir o fórum com vários tópicos, então vai aqui mesmo! Quero ver minha idéias serem combatidas, não eu...Parto da premissa que a Religião, além de não ser tosca, é necessária ao ser humano, e que o que vc disse, Nada, é preconceituoso.

    Ansioso por dar a resposta amanhã a noite. Hoje já está tarde e eu fiquei sem tempo. :)
    “A violência comunista não foi mera aberração da psique eslava, mas sim algo diabolicamente inerente à engenharia social marxista, que, querendo reformar o homem pela força, transforma os dissidentes primeiro em inimigos, e depois em vítimas.” - Roberto Campos
  • JudasJudas Moderator
    Acontece que as agressões que o Claudio sofreu foram merecidas.
    Existe a discordância e existe o momento em que o problema passa do argumento para o argumentador, foi isso que aconteceu com o Cláudio.

    Só um dos talvez milhares de exemplos foi o diálogo dele com o encosto:

    Encosto diz:
    "Cláudio você acaba de ignorar dados concretos que provam que o governo FHC foi melhor que o de Dilma e simplesmente repetiu o mesmo argumento"

    Eu quero ser expulso daqui se alguém me desmentir que a resposta do Claudio foi essa:

    "Hoje em dia a luta política se resume a isso, ninguém mais tem moral, ética ou princípios e se é assim eu infelizmente vou fazer esse jogo"

    É isso, o cara confessa que falta com o respeito a todos os que  debateram com ele e que mente em nome da causa, que posta pra ganhar por flood e convencer quem pega o debate do meio pra frente, sempre parecendo que ele não foi refutados trilhões de vezes.

    E teve coisa PIOR...

    Justificou e fez pouco caso de gente assassinada, estuprada e agredida covardemente.
    Ele fez isso DIANTE DE VÍDEOS provando as agressões.

    E o que eu mais quero na vida é que ele venha aqui debater, só que como ele é um ditadorzinho de merda e covarde, aqui, onde ele não tem o poder de silenciar ninguém, ele não tem coragem de aparecer, assim como não teve coragem de ir pra rua matar gente à pauladas.
    É um bosta...

    E um canalha.

     
  • PauloRoberto10anos disse:

    Dou-me por satisfeito com as respostas...Presumo que vcs mudaram, afinal já faz dez anos. Nós evoluímos como pessoas. "Nada", porque vc acha que a religião é algo tosco? Pronto, esse é meu tópico. Não quero poluir o fórum com vários tópicos, então vai aqui mesmo! Quero ver minha idéias serem combatidas, não eu... Parto da premissa que a Religião, além de não ser tosca, é necessária ao ser humano, e que o que vc disse, Nada, é preconceituoso.
     

    Bem, enquanto o Admin não manda sua resposta, eu mando a minha. Em minha nada-modesta opinião, a religião não é necessária ao ser humano, porque é, em essência, um mecanismo primitivo (embora eficiente) de contrôle psicológico e social. Parto da premissa de que uma sociedade não precisa ser constituída de uma maioria de pusilânimes. E olhe que eu não sou do tipo materialista-&-cientificista, aliás nunca fui. A noção de que as religiões são instrumentos de manipulação psico-social é confirmada nas entrelinhas de vários textos de autores como René Guénon e Julius Evola, por exemplo. Pelo menos no caso de Guénon, é compreensível que êle tivesse o cuidado de não ser muito explícito nêste ponto, para garantir que a possibilidade de ver suas idéias publicadas pela turma de quem êle dependia fôsse maior do que zero :-) Mas diferente dêstes autores que eu citei, eu não acho que «congelar a História», que é o que êles de fato pretendiam (ou desejavam), seja a coisa certa a se fazer. De qualquer modo, e para finalizar êste comentário, ressalto que a, digamos assim, "fundamentação teórica" dos Tradicioneiros para a implementação das religiões é totalmente diferente das explicações fornecidas pelo materialismo "científico", as quais nada mais são do que just-so stories (em linguagem técnica) ou teorias bêstas (em linguagem polìticamente-incorrecta).
    «Se argumentos racionais funcionassem com os conservadores, não existiriam conservadores.»
    (Gregory House)

    Vitimista é o cu que te pariu.
  • editado October 2016
    Gillian_Bellaver disse:
    PauloRoberto10anos disse:

    Dou-me por satisfeito com as respostas...Presumo que vcs mudaram, afinal já faz dez anos. Nós evoluímos como pessoas. "Nada", porque vc acha que a religião é algo tosco? Pronto, esse é meu tópico. Não quero poluir o fórum com vários tópicos, então vai aqui mesmo! Quero ver minha idéias serem combatidas, não eu... Parto da premissa que a Religião, além de não ser tosca, é necessária ao ser humano, e que o que vc disse, Nada, é preconceituoso.
     

    Bem, enquanto o Admin não manda sua resposta, eu mando a minha. Em minha nada-modesta opinião, a religião não é necessária ao ser humano, porque é, em essência, um mecanismo primitivo (embora eficiente) de contrôle psicológico e social. Parto da premissa de que uma sociedade não precisa ser constituída de uma maioria de pusilânimes. E olhe que eu não sou do tipo materialista-&-cientificista, aliás nunca fui. A noção de que as religiões são instrumentos de manipulação psico-social é confirmada nas entrelinhas de vários textos de autores como René Guénon e Julius Evola, por exemplo. Pelo menos no caso de Guénon, é compreensível que êle tivesse o cuidado de não ser muito explícito nêste ponto, para garantir que a possibilidade de ver suas idéias publicadas pela turma de quem êle dependia fôsse maior do que zero :-) Mas diferente dêstes autores que eu citei, eu não acho que «congelar a História», que é o que êles de fato pretendiam (ou desejavam), seja a coisa certa a se fazer. De qualquer modo, e para finalizar êste comentário, ressalto que a, digamos assim, "fundamentação teórica" dos Tradicioneiros para a implementação das religiões é totalmente diferente das explicações fornecidas pelo materialismo "científico", as quais nada mais são do que just-so stories (em linguagem técnica) ou teorias bêstas (em linguagem polìticamente-incorrecta).
     

    Você citou dois filósofos para me dizer que a religião não é necessária, mas qual é a sua vivência pessoal com Deus?
    Por que motivo vc O descartou da sua vida? Vc citaria os pensamentos deles para uma pessoa, que vc ama, se ela estivesse hospitalizada, com câncer terminal e alertada pelo oncologista, estivesse ciente de sua morte iminente? 

    "Aquele que compreende a lei da vida torna manifesta a parte de Deus que vive dentro dele" (Leon Tolstoi)

    Essa lei da vida, se compreendida, na morte de um ente amado(afinal, nos deparamos com essa lei imutável, ou seja, nascemos e morremos, e que sentido há nisso?) Quando somos iluminados a enxergarmos isso, Deus se manifesta através de nós, e eu poderia dizer a pessoa com câncer terminal, que vc ama: Calma, existe Deus, aqui nessa cama de hospital, não terminará sua vida para sempre.
    Foi isso que, Tolstoi, com muita propriedade, falou de um conhecimento pessoal de Deus. Esta compreensão, nunca dependeu do método científico.
    Mas o evolucionismo e o darwinismo não explicam de forma satisfatória a complexidade dos seres vivos. A biologia molecular e a biologia celular revelam mecanismos cujas origens os darwinistas nem se atrevem a tentar explicar.
  • editado October 2016
    Gillian_Bellaver disse:
    PauloRoberto10anos disse:

    Dou-me por satisfeito com as respostas...Presumo que vcs mudaram, afinal já faz dez anos. Nós evoluímos como pessoas. "Nada", porque vc acha que a religião é algo tosco? Pronto, esse é meu tópico. Não quero poluir o fórum com vários tópicos, então vai aqui mesmo! Quero ver minha idéias serem combatidas, não eu... Parto da premissa que a Religião, além de não ser tosca, é necessária ao ser humano, e que o que vc disse, Nada, é preconceituoso.
     

    Bem, enquanto o Admin não manda sua resposta, eu mando a minha. Em minha nada-modesta opinião, a religião não é necessária ao ser humano, porque é, em essência, um mecanismo primitivo (embora eficiente) de contrôle psicológico e social. Parto da premissa de que uma sociedade não precisa ser constituída de uma maioria de pusilânimes. E olhe que eu não sou do tipo materialista-&-cientificista, aliás nunca fui. A noção de que as religiões são instrumentos de manipulação psico-social é confirmada nas entrelinhas de vários textos de autores como René Guénon e Julius Evola, por exemplo. Pelo menos no caso de Guénon, é compreensível que êle tivesse o cuidado de não ser muito explícito nêste ponto, para garantir que a possibilidade de ver suas idéias publicadas pela turma de quem êle dependia fôsse maior do que zero :-) Mas diferente dêstes autores que eu citei, eu não acho que «congelar a História», que é o que êles de fato pretendiam (ou desejavam), seja a coisa certa a se fazer. De qualquer modo, e para finalizar êste comentário, ressalto que a, digamos assim, "fundamentação teórica" dos Tradicioneiros para a implementação das religiões é totalmente diferente das explicações fornecidas pelo materialismo "científico", as quais nada mais são do que just-so stories (em linguagem técnica) ou teorias bêstas (em linguagem polìticamente-incorrecta).
     

    A tempo: Não entendi sua menção de René Guénon, já que ele era adepto do Islã, mais precisamente do Sufismo(corrente mística do islamismo)...Você citou um teísta, praticante de uma religião, para dizer que a religião não é necessária? É a mesma coisa que citar o Papa para dizer que o aborto não é pecado. rsrsrs
    Mas o evolucionismo e o darwinismo não explicam de forma satisfatória a complexidade dos seres vivos. A biologia molecular e a biologia celular revelam mecanismos cujas origens os darwinistas nem se atrevem a tentar explicar.
  • JudasJudas Moderator
    Você citou dois filósofos para me dizer que a religião não é necessária, mas qual é a sua vivência pessoal com Deus?

    Tradução:
    "Ei, ateu, porque você deixou de acreditar que o deus que existe, existe? "

    Se a pergunta fosse:
    "Qual sua experiência pessoal com a religião?"
    Faria sentido.

    Deus e religião são de fato coisas diferentes.
    Religiões existem.
    Deuses que elas descrevem provavelmente não.
    "Deus" pode ser automaticamente declarado existente se sua definição for a cosmológica.
    Ainda que vivamos em uma Matrix  esta terá sido "criada"  por Deus ,  ainda assim ele continua a existir.

    Deus nesse caso é uma palavra, não uma entidade.
    É a palavra que escolhemos pra dar nome ao que é ou o que causou nossa realidade.


    Portanto quando formos debater "deus" é indispensável que se diga de que "deus" estamos falando.

     
  • Se a pergunta fosse:
    "Qual sua experiência pessoal com a religião?"
    Faria sentido.

    Religião vem do latim ¨religare¨, tem o significado de religação. Essa religação se refere entre uma nova ligação entre o homem e Deus.
    Portanto, a palavra religião está intimamente ligada a Deus, e vice e versa. Está dicotomia não existe, portanto a pergunta tem sentido pleno.



    Religiões existem.
    Deuses que elas descrevem provavelmente não.


    O raciocínio é inverso: Justamente porque as religiões sempre existiram, ao longo da história da humanidade, provavelmente Deus existe, pois como, diferentes povos em diferentes épocas, sempre tiveram o estranho anseio de adorar divindades?



     
     
    Mas o evolucionismo e o darwinismo não explicam de forma satisfatória a complexidade dos seres vivos. A biologia molecular e a biologia celular revelam mecanismos cujas origens os darwinistas nem se atrevem a tentar explicar.
  • Portanto quando formos debater "deus" é indispensável que se diga de que "deus" estamos falando.
    É a palavra que escolhemos pra dar nome ao que é ou o que causou nossa realidade.


    Vc respondeu a sua própria pergunta: Estou falando do Deus que deu origem a tudo, inclusive nossa realidade.
    Os ateus, em particular, costumam se referir a Ele como o Deus judaico-cristão, eu me refiro a Ele como o Criador, mas o fato é que, a religião é necessária, como afirmei no principio desse tópico, porque a criatura deve ser religada ao Criador para que sua vida tenha significado e depois da morte, a vida eterna ocorra, através da ressurreição.


     
    Mas o evolucionismo e o darwinismo não explicam de forma satisfatória a complexidade dos seres vivos. A biologia molecular e a biologia celular revelam mecanismos cujas origens os darwinistas nem se atrevem a tentar explicar.
  • GorduchoGorducho Member
    editado October 2016
    A noção de que as religiões são instrumentos de manipulação psico-social é confirmada nas entrelinhas de vários textos de autores como René Guénon e Julius Evola, por exemplo.

    E nas linhas pelo Tito Livio, visto uma das primeiras providências do Numa Pompílio ter sido fingir que recebia instruções da Egéria e fazer uma religião pra disciplinar o populacho.
  • JudasJudas Moderator
    Vc respondeu a sua própria pergunta: Estou falando do Deus que deu origem a tudo, inclusive nossa realidade.

    Pra este não temos resposta, não sabemos se existe e mesmo se existir continuaremos sem saber se é o deus ou um deus.

     
    mas o fato é que, a religião é necessária, como afirmei no principio desse tópico, porque a criatura deve ser religada ao Criador para que sua vida tenha significado e depois da morte, a vida eterna ocorra, através da ressurreição.
    Isso não é fato.
    O que é fato é que assim como eu existem criaturas que não ligam a mínima pra religião ( no sentido que você postou), nem pra deus, exista ele ou não.
    Assumimos a possibilidade dele existir e o ignoramos em seguida como diz o Fernando.
     
  • Fernando_SilvaFernando_Silva Administrator, Moderator
    PauloRoberto10anos disse:
    Os ateus, em particular, costumam se referir a Ele como o Deus judaico-cristão, eu me refiro a Ele como o Criador, mas o fato é que, a religião é necessária, como afirmei no principio desse tópico, porque a criatura deve ser religada ao Criador para que sua vida tenha significado e depois da morte, a vida eterna ocorra, através da ressurreição.
    Suas afirmações pressupõem a existência de algum deus.
    Você só pode dizer que "a criatura deve ser religada ao Criador"depois que provar a existência desse criador.

    E por que a vida tem que ter significado?

    Quem disse que a ressurreição é uma certeza? Pode até haver um Criador e não haver uma vida após a morte.

    Este é apenas um desejo humano, não algo comprovado.
     
  • Fernando_SilvaFernando_Silva Administrator, Moderator
    PauloRoberto10anos disse:
    O raciocínio é inverso: Justamente porque as religiões sempre existiram, ao longo da história da humanidade, provavelmente Deus existe, pois como, diferentes povos em diferentes épocas, sempre tiveram o estranho anseio de adorar divindades?
    Humanos têm muitas características em comum, independente da época e lugar, portanto é de se esperar que criem mitos parecidos numa tentativa de explicar de onde viemos, por que existimos etc.

    Deuses são uma explicação sensata para povos primitivos, que ignoram totalmente por que há tempestades, raios, terremotos, o que é o Sol, a Lua e as estrelas etc., mas devem ser empurrados cada vez mais para trás e para longe à medida em que a Ciência avança.

    Talvez haja um deus, quem sabe, mas a Ciência não deve usá-lo como explicação de nada, ou seria religião e não Ciência. Inventar um deus é desistir de explicar.

    Deixemos que ele fique lá atrás, antes do Big Bang. Se descobrirmos o que havia antes do Bing Bang, que ele seja empurrado ainda mais para trás.

     
  • Parafraseando o Russell: já em geral no 2° semestre de matemática (Cálculo II no nosso caso) aprende-se que séries não precisam ter 1° termo. 
  • Fernando_SilvaFernando_Silva Administrator, Moderator
    Você citou dois filósofos para me dizer que a religião não é necessária, mas qual é a sua vivência pessoal com Deus? Por que motivo vc O descartou da sua vida?
    Não tenho nenhuma vivência pessoal com deus nenhum. Acreditei no deus católico durante décadas porque ele me foi enfiado na cabeça durante a minha infância, mas era apenas um conceito abstrato, uma entidade distante.

    Não o descartei, apenas me livrei das bobagens que me impuseram quando percebi que não faziam sentido.

    Ser católico nunca foi uma escolha minha, portanto não posso falar em "descartar Deus". 
    Vc citaria os pensamentos deles para uma pessoa, que vc ama, se ela estivesse hospitalizada, com câncer terminal e alertada pelo oncologista, estivesse ciente de sua morte iminente? 
    Parece até o Videomaker, um forista espírita que defendia que os ateus deveriam comparecer a enterros e velórios para dizer às pessoas que "morreu, acabou, não volta mais".

    Não, eu não faria pregação ateísta para um moribundo. Pregação é coisa de crente. Ou de ateu chato.
    "Aquele que compreende a lei da vida torna manifesta a parte de Deus que vive dentro dele" (Leon Tolstoi)

    Essa lei da vida, se compreendida, na morte de um ente amado(afinal, nos deparamos com essa lei imutável, ou seja, nascemos e morremos, e que sentido há nisso?)
    Nenhum sentido. Cada um é que deve inventar o seu próprio sentido. Se quiser.
    Foi isso que, Tolstoi, com muita propriedade, falou de um conhecimento pessoal de Deus. Esta compreensão, nunca dependeu do método científico.
    Por que Tolstoi tem tanta credibilidade para você?
    O que você sabe de seu "conhecimento pessoal de Deus" além de suas declarações de fé?
  • Gillian_Bellaver disse: Em minha nada-modesta opinião, a religião não é necessária ao ser humano, porque é, em essência, um mecanismo primitivo (embora eficiente) de contrôle psicológico e social.

    Eu tenho uma certeza: A religião é absolutamente desnecessária para promover qualquer vínculo entre o homem e Deus. Arrisco dizer que ela, a religião, é um entrave nesse “relacionamento”. Quanto ao seu papel social, eu ainda não consegui ter a mesma certeza, justamente pelo eficiente mecanismo de controle que você mencionou.
     
  • Fernando_SilvaFernando_Silva Administrator, Moderator
    Ayyavazhi disse:
    Eu tenho uma certeza: A religião é absolutamente desnecessária para promover qualquer vínculo entre o homem e Deus. Arrisco dizer que ela, a religião, é um entrave nesse “relacionamento”.
    Religiões não passam de tentativas de explicação do universo e comunicação com supostos deuses.
    Quando se institucionalizam, viram ferramentas de controle.

    Se ficar provado que algum deus existe e for possível que cada um se comunique diretamente com ele de forma clara e inequívoca,  as religiões deixarão de existir.


     
  • GorduchoGorducho Member
    editado October 2016
    Dependendo do perfil psicológico de pessoas que são incapazes de se autogerirem, a religião pode ser benéfica.

    Pastor diz:
    • Jesus disse que não devemos bater na nossa esposa e em nenhuma outra mulher.
    • Jesus disse que não devemos nos intoxicar com licores até cair no chão ou começar a falar asneiras.
    ...
    Quem não fizer isso será encaminhado direto aos cuidados de Satanás pelo restante da Eternidade.
    Pronto, funcionou. O cara toma atitudes que ele próprio não teria a iniciativa de seguir porque "Jesus disse".
    Tem se visto muito isso nos noticiários acerca de evangelizaação em presídios. Fine!
    E se o Pastor convencer ele a doar 10% before impostos & taxas ótimo. Melhor do que gastar em canha...
    Na esfera de influência islâmica idem com muito mais rigor. Não estou me referindo aos doidos fundamentalistas + desequilibrados mentais que a eles se unem por pretexto para poderem cometer atrocidades, bien sûr.

    Mas claro que pro perfil psicológico das pessoas que frequentam um sítio dedicado a treinar o discernimento e estudar metareligião, esse tipo de alegações são inóquas.
  • Esse vídeo resume muito bem o que penso do assunto:



     
  • AyyavazhiAyyavazhi Member
    editado October 2016
    Fernando_Silva disse: Talvez haja um deus, quem sabe, mas a Ciência não deve usá-lo como explicação de nada, ou seria religião e não Ciência. Inventar um deus é desistir de explicar.
    Um rápido exercício mental, ao estilo Márcio:
     
    Nós sabemos que existem cores fora do espectro visível, graças à ciência. Sem a ciência, nunca saberíamos da existência dessas cores que, no entanto, continuariam a existir apesar de nossa ignorância. Esse pequeno exemplo não faz jus ao avanço científico e às coisas antes inalcançáveis que foram trazidas para o terreno do possível e realizável.
     
    Supondo que a ciência, em seu avanço irrefreável, tenha um dia a capacidade de detectar Deus, não seria sensato reexaminar antigos conceitos, à luz dessa nova ciência? Seria coerente, diante de tal descoberta, continuar a ignorar Deus como uma possível explicação, seja lá para o que for?

     
  • Gorducho disse: Dependendo do perfil psicológico de pessoas que são incapazes de se autogerirem, a religião pode ser benéfica.

    É essa a minha dúvida...
  • PauloRoberto10anos disse: Essa lei da vida, se compreendida, na morte de um ente amado(afinal, nos deparamos com essa lei imutável, ou seja, nascemos e morremos, e que sentido há nisso?)

    Defender a existência de Deus para que sua vida faça sentido, pode funcionar muito bem para você, mas não prova coisa alguma e não serve como argumento.
     
  • Fernando_Silva disse: Parece até o Videomaker, um forista espírita que defendia que os ateus deveriam comparecer a enterros e velórios para dizer às pessoas que "morreu, acabou, não volta mais".

    Ele não gostava muito quando eu dizia que ele era o melhor argumento contra a DE. Mas a verdade é que os religiosos são, de fato, o melhor argumento que se pode empregar contra as religiões.

     
Entre ou Registre-se para fazer um comentário.