Pra vomitar até o ano 3000

Comentários

  • Tenho sobrinhos. Se chegarem perto de algum deles serei preso por assassinato com recintos de crueldade.
  • Judas escreveu: »
    Tenho sobrinhos. Se chegarem perto de algum deles serei preso por assassinato com recintos de crueldade.

    Não só você. Eu também.
  • Vão legalizar a pedofilia nesse processo também? Porque esse feitiche de sexualidade em cima de crianças não tem outro objetivo.
  • editado July 13
    Percival escreveu: »
    Vão legalizar a pedofilia nesse processo também? Porque esse feitiche de sexualidade em cima de crianças não tem outro objetivo.
    Também tive a mesma impressão.
  • Percival escreveu: »
    Vão legalizar a pedofilia nesse processo também? Porque esse feitiche de sexualidade em cima de crianças não tem outro objetivo.
    Durante algum tempo, houve um partido holandês que defendia a pedofilia.
    Grupo que defende pedofilia cria partido na Holanda

    Geraldine Coughlan de Haia - 01 de junho, 2006

    Partido pretende participar das eleições do ano que vem
    Um partido político que defende a pedofilia foi registrado na Holanda, causando protestos de setores da sociedade holandesa.

    O partido tem planos de pedir a redução da idade em que relações sexuais são permitidas de 16 para 12 anos, a legalização de pornografia infantil e de sexo com animais.

    O partido chamado Caridade, Liberdade e Diversidade diz promover a liberdade de expressão e afirma que irá participar das eleições de maio do ano que vem.
    https://www.bbc.com/portuguese/reporterbbc/story/2006/06/060601_leiholandamp

  • Dois factos:
    O auge da atração sexual e da fertilidade das meninas ocorre minutos depois da puberdade, ali pelis 13, 14 anos.

    Um garoto de 10 anos que já se diz homossexual tende a iniciar- se sexualmente mais cedo.

    Isso é um contraponto defenestrador para as leis de controle de idade nas relações sexuais?
  • Nem todo indivíduo se desenvolve por igual, até quando essa interferência é invasiva?
  • editado July 13
    Um cidadão menor de 16 anos não pode votar. Se tiver menos de 18:
    - não pode responder processo criminal;
    - não pode dirigir;
    - não pode consumir bebidas alcoólicas;
    - não pode fumar;
    - não pode casar.
    Tem uma série de coisas que a lei NÃO permite que ele faça.

    Por que diabos uma criança pequena precisa ter uma vida sexual?
  • Mas pode, e deve ter. A espécie é sexual. O intuito das leis é proteger a criança de práticas deletérias, mas não deixam de ser arbitrárias.
  • Senhor! Senhor! Quousque tandem, abutere patientia nostra.
  • Em que direito temos de forçar um indivíduo a iniciar-se sexualmente mesmo que ele seja uma exceção a regra de uma classe objetivamente mais vulnerável?
  • Claro, patolino. Por que melhor com a lei do que sem ela. Por que não se trata de uma utopia em que as crianças vão se desenvolver de acordo com a natureza.
  • Percival escreveu: »
    Em que direito temos de forçar um indivíduo a iniciar-se sexualmente mesmo que ele seja uma exceção a regra de uma classe objetivamente mais vulnerável?

    Exatamente.
    Adulto faz "coisa de adulto".
    Criança faz "coisa de criança".
  • A thumb desse vídeo me deu náusea.
  • O professor Olavo vem alertando a humanidade sobre esse tema ha anos.
  • editado July 14
    Por que diabos uma criança pequena precisa ter uma vida sexual?
    Depende do que seja "criança pequena".
    Nossos antepassados morriam entre os 25 e 30 anos. A vida sexual tinha que começar cedo para garantir a reprodução da espécie.
    Na época dos meus bisavós, meninas ainda se casavam aos 12 anos e isto era perfeitamente normal.
    E creio que isto ainda aconteça entre indígenas e outros povos.

    Mas a sociedade evoluiu, a vida se tornou mais longa, as mulheres deixaram de ser vistas como meras reprodutoras e agora é possível proteger a criança até que ela esteja completamente desenvolvida, portanto os critérios de certo e errado mudaram.

    Lembrando que não havia uma faixa etária denominada "adolescência". Isto é criação recente. O que havia era "criança / adulto jovem / adulto velho".
  • 12 anos é adolescente, informe-se.
  • Percival escreveu: »
    12 anos é adolescente, informe-se.
    O que eu disse é que, no passado recente, não existia essa categoria "adolescente".
    Pulava-se de "criança" direto para "pronto para casar".
  • Fernando_Silva escreveu: »
    Percival escreveu: »
    12 anos é adolescente, informe-se.
    O que eu disse é que, no passado recente, não existia essa categoria "adolescente".
    Pulava-se de "criança" direto para "pronto para casar".

    Então você se contradiz porque o que se fala é criança.
  • Percival escreveu: »
    Fernando_Silva escreveu: »
    Percival escreveu: »
    12 anos é adolescente, informe-se.
    O que eu disse é que, no passado recente, não existia essa categoria "adolescente".
    Pulava-se de "criança" direto para "pronto para casar".
    Então você se contradiz porque o que se fala é criança.
    Hoje em dia, com 12 anos não é mais criança, mas ainda é protegida por lei como se fosse.
  • Lembre-se que o substantivo criança veio com o adjetivo pequena.
  • Percival escreveu: »
    Lembre-se que o substantivo criança veio com o adjetivo pequena.
    Sim. A gente até consegue entender que um adulto deseje uma menina que já parece uma mulher, mas os pedófilos propriamente ditos querem crianças com cara e corpo de criança. Aí já não é mais desejo normal. Vira perversidade.
  • Fernando_Silva escreveu: »
    Percival escreveu: »
    Lembre-se que o substantivo criança veio com o adjetivo pequena.
    Sim. A gente até consegue entender que um adulto deseje uma menina que já parece uma mulher, mas os pedófilos propriamente ditos querem crianças com cara e corpo de criança. Aí já não é mais desejo normal. Vira perversidade.

    O negócio é que no seu tempo existia um termo chamado mocinha para o termo destacado. Acredito que a criação do termo "adolescente" seja recente para amparar indivíduos que não são nem adultos nem crianças, mas que ainda não tem uma estrutura psicológica e emocional bem formada.

  • editado July 14
    Percival escreveu: »
    Acredito que a criação do termo "adolescente" seja recente para amparar indivíduos que não são nem adultos nem crianças, mas que ainda não tem uma estrutura psicológica e emocional bem formada.
    O desenvolvimento físico e mental só termina por volta dos 20 anos.
    Ela não sabe direito quem é porque está sempre mudando e, a cada dia, se torna outra pessoa.
  • Eu acabei esquecendo de adicionar estrutura física, se bem que existe o caso de pessoas que aparentam ter uma idade que não tem, como no caso as petites.
  • editado July 15
    E depois o pessoal do politicamente correto faz o maior aue com os supostos padres pedofilos, dá para perceber como esse pessoal é hipócrita e eu estou começando a desconfiar de que pelo menos 70% desses supostos casos de pedofilia feitos por padres, não aconteceram e que mesmo que tenham acontecido isso tem um lado bom que foi atrasar a agenda pró-pedofilia por causa do fetiches anti-católico.
  • editado July 15
    LaraAS escreveu: »
    E depois o pessoal do politicamente correto faz o maior aue com os supostos padres pedófilos.

    Muito interessante o seu ponto de vista. Concordo que tem que interpretar essa avalanche de denúncias de pedofilia contra os padres com um grão de sal. Lógico que tem que investigar, sim, e nos casos em que for comprovada a culpa, punir com rigor (tem denúncia falsa nisso aí também...). Mas que o Politicamente correto se cale sobre a pedofilia que certas vertentes da militância LGBT tem coragem de defender, é REVOLTANTE!
  • LaraAS escreveu: »
    E depois o pessoal do politicamente correto faz o maior aue com os supostos padres pedofilos, dá para perceber como esse pessoal é hipócrita e eu estou começando a desconfiar de que pelo menos 70% desses supostos casos de pedofilia feitos por padres, não aconteceram e que mesmo que tenham acontecido isso tem um lado bom que foi atrasar a agenda pró-pedofilia por causa do fetiches anti-católico.

    Porque não é a pedofilia do bem @LaraAS
Entre ou Registre-se para fazer um comentário.