XICO CHAVIER - DOENTE MENTAL

DOENTE MENTAL


# Por motivos de saúde houve que fazer o eletroencefalograma de Chico Xavier, fora do controle dos espiritistas quando finge que está "psicografando". Resultado esclarecedor: "Foco temporal classicamente responsável por distúrbios sensoriais, alucinações, ouvir vozes (...), arritmia, tendência a ataques epilépticos ou `transes´" (Ver, entre outras publicações, Revista "Realidade", Novembro, 1971).

# Depoimento do pai, Sr. João Cândido. Confessou o próprio Chico Xavier com referência à sua "iniciação mediúnica" na infância, de sonâmbulo falante e ambulante: "Meu pai estava querendo internar-me em um sanatório para enfermos mentais (...) Devia ter suas razões: naquela época me visitavam (...) também entidades estranhas perturbadoras" (Em entrevista ao repórter Mauro Santayana, "Folha Ilustrada", São Paulo, 11-Julho-1982).

# Depoimento da madrinha, Da. Rita: "Dizia que eu era louco". Surrava-me "por ser doido (...) Dizia a todo mundo que o menino era doido varrido" (Em entrevista ao repórter Ramón García y García, "Fatos e Fotos", n. 1072).

# Por afirmação do próprio Chico. Afirmou inúmeras vezes que estava sempre sendo assistido e inspirado por "Emmánuel". Continuamente, ininterruptamente, dia e noite..., que o via, ouvia e sentia como a qualquer pessoa viva ou a qualquer coisa ao redor. Especialmente por "Emmánuel", como chefe, mas também mais de 500 outros "espíritos" subordinados.

--- Sendo isto não só sem prova nenhuma senão também clarissimamente falso, como veremos, de duas uma: ou Chico Xavier não acreditava no que afirmava e seria um continuo mentiroso e continuo farsante, ou acreditava nessa afirmação e então estava completamente fora da realidade, o que significaria que era absoluta e continuamente louco em alto grau.
«134

Comentários

  • Que nada, o contato com uma dimensão paralela espiritual é muito mais plausível. B)
  • ENCOSTO escreveu: »
    DOENTE MENTAL


    repórter Mauro Santayana, "Folha Ilustrada", São Paulo, 11-Julho-1982).



    --- Sendo isto não só sem prova nenhuma senão também clarissimamente falso, como veremos, de duas uma: ou Chico Xavier não acreditava no que afirmava e seria um continuo mentiroso e continuo farsante, ou acreditava nessa afirmação e então estava completamente fora da realidade, o que significaria que era absoluta e continuamente louco em alto grau.
    Pessoas de caráter, responsáveis, não fazem tais suposições.
  • patolino escreveu: »
    Pessoas de caráter, responsáveis, não fazem tais suposições.
    Por que não? O cara está acima de qualquer suspeita de fraude ou loucura?

  • ENCOSTO escreveu: »
    CHICO.jpg
    Quando dizem que uma imagem fala mais do que mil palavras, deviam ilustrar com esta foto.
  • Mesmo se não fosse débil mental não passaria despercebido.
    Tem cara de mongoloide.
  • Sem ofensas, mas Chico Xavier escreveu mais de 400 livros, sobre temas que vão desde História, Biologia, Poesia, Evolução... etc.

    Recebia doações do país inteiro e doava para as famílias carentes.

    Em 1981 e 1982 foi indicado ao prêmio Prêmio Nobel da Paz, tendo seu nome conseguido cerca de 2 milhões de assinaturas no pedido de candidatura; em 1999 o Governo de Minas Gerais instituiu a Comenda da Paz Chico Xavier;[20] e em 2012 ele foi eleito O Maior Brasileiro de Todos os Tempos, em um concurso homônimo realizado pelo SBT e pela BBC.

    Quem é o débil mental aqui?
  • Fernando_Silva escreveu: »
    patolino escreveu: »
    Pessoas de caráter, responsáveis, não fazem tais suposições.
    Por que não? O cara está acima de qualquer suspeita de fraude ou loucura?
    Porque pessoas de caráter, responsáveis, não fazem tais suposições.

  • editado October 13
    O mesmo tópico no RéV antigo:
    https://antigo.religiaoeveneno.com.br/viewtopic.php?f=1&t=13064&sid=63dc7f3ec2918ae5df3ae7d5f75b7e30

    Aberto por O Encosto em 17/08/2007
  • editado October 13
    patolino escreveu: »
    Fernando_Silva escreveu: »
    patolino escreveu: »
    Pessoas de caráter, responsáveis, não fazem tais suposições.
    Por que não? O cara está acima de qualquer suspeita de fraude ou loucura?
    Porque pessoas de caráter, responsáveis, não fazem tais suposições.
    Eu faço.
    Ninguém está acima de suspeita de fraude ou loucura.

    A tal de Madre Teresa de Calcutá, por exemplo. É considerada uma santa - por quem não se deu ao trabalho de investigar a fundo.
  • patolino escreveu: »
    Sem ofensas, mas Chico Xavier escreveu mais de 400 livros, sobre temas que vão desde História, Biologia, Poesia, Evolução... etc.

    Recebia doações do país inteiro e doava para as famílias carentes.

    Em 1981 e 1982 foi indicado ao prêmio Prêmio Nobel da Paz, tendo seu nome conseguido cerca de 2 milhões de assinaturas no pedido de candidatura; em 1999 o Governo de Minas Gerais instituiu a Comenda da Paz Chico Xavier;[20] e em 2012 ele foi eleito O Maior Brasileiro de Todos os Tempos, em um concurso homônimo realizado pelo SBT e pela BBC.

    Quem é o débil mental aqui?
    Se você não tem uma explicação aceitável para a foto acima (e outras...), não vejo por que mudar de ideia.
  • @Fernando; "Aceitável", depende do ponto de vista de quem avalia.
    Pela sua experiência, ao longo dos anos, onde vê da parte dos espíritas o esforço na busca do Bem, não importa sob que prisma você avalie, e por outro lado, algo semelhante ao despeito da parte de alguns, ironia insensata e até ódio da parte de outros, não é difícil fazer certas escolhas.
    Evidente que a razão e a inteligência precisam ser levadas em consideração, mas a frieza do coração e do raciocínio nos impulsionam no rumo de dolorosas incertezas e frustrações.
    Precisamos pensar nisto.
  • editado October 13
    Sr. patolino escreveu: »
    Evidente que a razão e a inteligência precisam ser levadas em consideração, mas a frieza do coração e do raciocínio nos impulsionam no rumo de dolorosas incertezas e frustrações.
    Precisamos pensar nisto.
    Better ignorar o real que é incerto & frustrante e supor 1 realidade paralela idealizada
    grey_question.png
    É isso
    grey_question.png


  • patolino escreveu: »
    @Fernando; "Aceitável", depende do ponto de vista de quem avalia.
    Pela sua experiência, ao longo dos anos, onde vê da parte dos espíritas o esforço na busca do Bem, não importa sob que prisma você avalie, e por outro lado, algo semelhante ao despeito da parte de alguns, ironia insensata e até ódio da parte de outros, não é difícil fazer certas escolhas.
    Evidente que a razão e a inteligência precisam ser levadas em consideração, mas a frieza do coração e do raciocínio nos impulsionam no rumo de dolorosas incertezas e frustrações.
    Precisamos pensar nisto.

    Augusto, acho que você deveria contactar Chico via Ouija e notificar esse despeito que ocorre aqui para que através de intercessores terrestres possam tomar as devidas providências jurídicas quanto a esse despeito.
  • editado October 13
    patolino escreveu: »
    Sem ofensas, mas Chico Xavier escreveu mais de 400 livros
    Pouco se comparado a Manuel Jacinto Coelho, que escreveu 1000 livros sobre o Universo em Desencanto e o Racional Superior.
    Em 1981 e 1982 foi indicado ao prêmio Prêmio Nobel da Paz, tendo seu nome conseguido cerca de 2 milhões de assinaturas no pedido de candidatura; em 1999

    Hitler tambem quase levou.
    Quem é o débil mental aqui?
    Com base nesses argumentos falaciosos, posso mudar de ideia.
  • Fernando_Silva escreveu: »
    O mesmo tópico no RéV antigo:
    https://antigo.religiaoeveneno.com.br/viewtopic.php?f=1&t=13064&sid=63dc7f3ec2918ae5df3ae7d5f75b7e30

    Aberto por O Encosto em 17/08/2007

    Old But Gold
  • patolino escreveu: »
    @Fernando; "Aceitável", depende do ponto de vista de quem avalia.
    Pela sua experiência, ao longo dos anos, onde vê da parte dos espíritas o esforço na busca do Bem, não importa sob que prisma você avalie, e por outro lado, algo semelhante ao despeito da parte de alguns, ironia insensata e até ódio da parte de outros, não é difícil fazer certas escolhas.
    Evidente que a razão e a inteligência precisam ser levadas em consideração, mas a frieza do coração e do raciocínio nos impulsionam no rumo de dolorosas incertezas e frustrações.
    Precisamos pensar nisto.

    João de Deus fazia muito bem para as pessoas mas a frieza do coração e do raciocínio nos impulsionam no rumo de dolorosas incertezas e frustrações.
  • Gorducho escreveu: »
    Sr. patolino escreveu: »
    Evidente que a razão e a inteligência precisam ser levadas em consideração, mas a frieza do coração e do raciocínio nos impulsionam no rumo de dolorosas incertezas e frustrações.
    Precisamos pensar nisto.
    Better ignorar o real que é incerto & frustrante e supor 1 realidade paralela idealizada
    grey_question.png
    É isso
    grey_question.png

    Noutro tópico eu dizia que, acreditar que temos uma alma e que ao morrer a vida não cessa, não deveria estar relacionado às religiões. É natural.
    Então companheiro, é isso mesmo, uma vida paralela com inúmeras possibilidades.

  • patolino escreveu: »
    Noutro tópico eu dizia que, acreditar que temos uma alma e que ao morrer a vida não cessa, não deveria estar relacionado às religiões. É natural.
    É natural, sim, que tenhamos fantasias de imortalidade. Nos agarramos à ilusão de que não vamos morrer e acabou.
    Ou que haja justiça no universo e que o mal será punido e o bem, premiado.
    Que haja uma explicação satisfatória para essa bosta que vemos por toda a parte.
    Só que continua sendo uma fantasia.
    patolino escreveu: »
    Então companheiro, é isso mesmo, uma vida paralela com inúmeras possibilidades.
    A vida real, dura e fria, e uma vida de sonhos e ilusões que só existem em nossa mente, em paralelo.
  • Fernando_Silva escreveu: »
    patolino escreveu: »
    Noutro tópico eu dizia que, acreditar que temos uma alma e que ao morrer a vida não cessa, não deveria estar relacionado às religiões. É natural.
    É natural, sim, que tenhamos fantasias de imortalidade. Nos agarramos à ilusão de que não vamos morrer e acabou.
    Ou que haja justiça no universo e que o mal será punido e o bem, premiado.
    Que haja uma explicação satisfatória para essa bosta que vemos por toda a parte.
    Só que continua sendo uma fantasia.
    patolino escreveu: »
    Então companheiro, é isso mesmo, uma vida paralela com inúmeras possibilidades.
    A vida real, dura e fria, e uma vida de sonhos e ilusões que só existem em nossa mente, em paralelo.

    Meu amigo, permita-me.
    O homem inteligente e culto necessita de um complemento para que sua mente revele as verdades que não transparecem aos demais: é a MATURIDADE PSICOLÓGICA.
    É ela que retira dos dicionários as palavras OTIMISMO, PESSIMISMO.
    Mas porá em destaque o vocábulo, REALIDADE.
    A vida não é dura e fria, mas de fato é real.
    Se conseguirmos educar nossa mente para dela afastar o negativismo, com certeza sofreremos muito menos... pois a pior dor anda à nossa volta, e se chama MEDO.
  • editado October 14
    patolino escreveu: »
    Noutro tópico eu dizia que, acreditar que temos uma alma e que ao morrer a vida não cessa, não deveria estar relacionado às religiões. É natural.
    Então companheiro, é isso mesmo, uma vida paralela com inúmeras possibilidades.
    Acreditar no coelho da pascoa, no papai noel e na fada do dente nos dá infinitas possibilidades de ganhar presentes.
  • patolino escreveu: »
    O homem inteligente e culto necessita de um complemento para que sua mente revele as verdades que não transparecem aos demais: é a MATURIDADE PSICOLÓGICA.

    na psiquiatria isso tem outro nome.
  • editado October 15
    patolino escreveu: »
    O homem inteligente e culto necessita de um complemento para que sua mente revele as verdades que não transparecem aos demais: é a MATURIDADE PSICOLÓGICA.
    Você está assumindo, sem provas, que essas verdades existam.
    Não vejo como maturidade psicológica continuar acreditando em histórias de fadas.
    Mas vejo como arrogância achar-se superior aos demais por acreditar nelas.
    patolino escreveu: »
    Se conseguirmos educar nossa mente para dela afastar o negativismo, com certeza sofreremos muito menos... pois a pior dor anda à nossa volta, e se chama MEDO.
    Algumas pessoas admitem o problema e controlam isto com medicamentos ansiolíticos.
    Outras preferem se iludir. E isto pode ser perigoso.
  • Os ansiolíticos trazem efeitos colaterais indesejáveis à saúde; sem chance.
    A ilusão é própria dos tolos, quiçá dos santos e dos grandes sábios no passado da história.
  • patolino escreveu: »
    Sem ofensas, mas Chico Xavier escreveu mais de 400 livros, sobre temas que vão desde História, Biologia, Poesia, Evolução... etc.

    Recebia doações do país inteiro e doava para as famílias carentes.

    Em 1981 e 1982 foi indicado ao prêmio Prêmio Nobel da Paz, tendo seu nome conseguido cerca de 2 milhões de assinaturas no pedido de candidatura; em 1999 o Governo de Minas Gerais instituiu a Comenda da Paz Chico Xavier;[20] e em 2012 ele foi eleito O Maior Brasileiro de Todos os Tempos, em um concurso homônimo realizado pelo SBT e pela BBC.

    Quem é o débil mental aqui?

    Boa!
  • CRIATURO escreveu: »
    patolino escreveu: »
    Sem ofensas, mas Chico Xavier escreveu mais de 400 livros, sobre temas que vão desde História, Biologia, Poesia, Evolução... etc.

    Recebia doações do país inteiro e doava para as famílias carentes.

    Em 1981 e 1982 foi indicado ao prêmio Prêmio Nobel da Paz, tendo seu nome conseguido cerca de 2 milhões de assinaturas no pedido de candidatura; em 1999 o Governo de Minas Gerais instituiu a Comenda da Paz Chico Xavier;[20] e em 2012 ele foi eleito O Maior Brasileiro de Todos os Tempos, em um concurso homônimo realizado pelo SBT e pela BBC.

    Quem é o débil mental aqui?

    Boa!

    A minha resposta ficou melhor ainda. Se você ler vai querer dar a bunda pra mim.
  • Degeneração é mono.
  • editado October 18
    patolino escreveu: »
    Sem ofensas, mas Chico Xavier escreveu mais de 400 livros, sobre temas que vão desde História, Biologia, Poesia, Evolução... etc.

    Recebia doações do país inteiro e doava para as famílias carentes.

    Em 1981 e 1982 foi indicado ao prêmio Prêmio Nobel da Paz, tendo seu nome conseguido cerca de 2 milhões de assinaturas no pedido de candidatura; em 1999 o Governo de Minas Gerais instituiu a Comenda da Paz Chico Xavier;[20] e em 2012 ele foi eleito O Maior Brasileiro de Todos os Tempos, em um concurso homônimo realizado pelo SBT e pela BBC.

    Quem é o débil mental aqui?
    Nada do que você disse acima prova que o espiritismo é verdadeiro.
    Nem que os livros que ele escreveu valham alguma coisa.
    Outros escreveram ainda mais livros que ele, como lembrou o Acauan.

    Indicação ao Prêmio Nobel da Paz é uma coisa, ainda que com 2 milhões de assinaturas.
    Ganhar o prêmio é outra. Sem falar em que, mesmo se tivesse ganhado, nada mudaria.

    Se Chico Xavier é "O Maior Brasileiro de Todos os Tempos", está explicado porque somos este país medíocre de Terceiro Mundo.

    Aliás, lembrei de uma revista sobre Che Guevara que vi na banca de jornais décadas atrás com a manchete:
    "O ser do milênio".
  • Para evidenciar que o CX não é doente mental meu texto é suficiente.
    Uma coisa é escrever centenas de livros sobre o mesmo tema, outra coisa é demonstrar um conhecimento que não está restrito a uma única área e com diferentes níveis de complexidade.

    Homens como o CX é a evidência lógica de que existem regiões inexploradas no cérebro humano.
Entre ou Registre-se para fazer um comentário.